Artigo

7 razões para todo usuário de iPhone se preocupar com a comissão de 30% da App Store

Nos últimos meses, muitos desenvolvedores de aplicativos de destaque expressaram sua desaprovação às políticas da App Store que a Apple impõe a todos os aplicativos. Por que isso deveria preocupá-lo se você possui um iPhone? Aqui estão 7 razões:

PREÇOS MAIS ALTOS. A comissão de 30% da Apple torna todos os aplicativos e produtos digitais mais caros para você. Ele vai além do preço pago aos desenvolvedores por quaisquer serviços e jogos que você compra no seu telefone. Você paga mais por cada aplicativo, mesmo que a Apple já tenha cobrado algumas centenas de dólares a mais por seu iPhone do que ele realmente custa. Em resumo, você continua pagando mesmo depois de já ter pago.

[Leia mais]
Compartilhe este artigo!
Artigo

7 mitos que a Apple está usando para justificar sua comissão de 30% sobre aplicativos

A Apple gasta muito dinheiro nas relações públicas e no lobby para manter seu poder de monopólio. Se você seguir o debate em torno da cobrança de 30% de comissão que a Apple pratica e ver que isso resulta em preços mais altos e aplicativos inferiores, certamente você encontrará pelo menos uma das falsas narrativas divulgadas abaixo:

Mito 1. Uma comissão de 30% permite que a Apple mantenha uma App Store.

De fato, administrar uma loja de aplicativos custa apenas uma fração do que a Apple recebe dos desenvolvedores de aplicativos. A cada trimestre, a Apple lucra bilhões de dólares com aplicativos de terceiros. Enquanto isso, as despesas necessárias para hospedar e revisar esses aplicativos são de milhões de dólares (e não bilhões de dólares). Sabemos disso pois, no Telegram, são hospedados e analisados mais conteúdos públicos do que a App Store. Na verdade, qualquer empresa que administre uma enorme plataforma de vídeos precisa de mais servidores e mais moderadores do que uma empresa que administra uma loja de aplicativos.

[Leia mais]
Compartilhe este artigo!